Cresce o mercado de lingerie plus size nos EUA



22 de janeiro de 2018
por: Marcela Leone

mercado-lingerie-plus-size-1

A popula√ß√£o dos Estados Unidos da Am√©rica √© considerada uma das mais pesadas do mundo, onde cerca de um ter√ßo dos adultos s√£o classificados com sobrepeso. O setor de roupa feminina plus size cresceu cerca de 6% no √ļltimo ano, movimentando 21 bilh√Ķes de d√≥lares. Visto isso, era de se esperar que as lingeries de tamanhos maiores come√ßassem a ganhar mercado. Nos √ļltimos tempos empresas do ramo de roupas √≠ntimas v√™m investindo em pe√ßas maiores, como √© o caso da Calvin Klein. Muitas outras tamb√©m est√£o surgindo, se‚Äč ‚Äčespecializando‚Äč ‚Äčs√≥‚Äč ‚Äčem‚Äč ‚Äčlingeries‚Äč ‚Äčespeciais,‚Äč ‚Äčcom‚Äč ‚Äčtamanhos‚Äč ‚Äčacima‚Äč ‚Äčdo‚Äč ‚Äč40DD‚Äč ‚Äčamericano.

Isso tudo se desencadeou depois que estrelas como Ashley Graham, Melissa McCarthy e Rebel Wilson passaram a estampar capas de revista e ganhar destaque nos holofotes, essas duas √ļltimas inclusive atualmente possuem suas pr√≥prias marcas de pe√ßas plus size. As mulheres consideradas ‚Äúcurvil√≠neas‚ÄĚ est√£o pedindo espa√ßo, a muito tempo, e com esses grandes nomes as representando passaram a chamar ainda mais aten√ß√£o para a causa, conseguindo‚Äč ‚Äčessa‚Äč ‚Äčreviravolta‚Äč ‚Äčde‚Äč ‚Äčmercado,‚Äč ‚Äčmesmo‚Äč ‚Äčque‚Äč ‚Äčtardia.

A blogueira Chastity Garner Valentine, que j√° fez in√ļmeros manifestos sobre a causa, diz que quando o consumidor n√£o encontra uma roupa s√≥ por conta do seu tamanho ele se sente como se n√£o pertencesse a lugar nenhum. As mulheres n√£o querem usar suti√£s ‚Äúde v√≥‚ÄĚ sem design nenhum apenas por conta do seu peso. Querem se sentir representadas e conseguir usar pe√ßas que gostam e as fa√ßam sentir sexy. O mercado de lingerie americano percebeu isso e, atrav√©s de pe√ßas especialmente e cuidadosamente projetadas, est√£o come√ßando‚Äč ‚Äča‚Äč ‚Äčatender‚Äč ‚Äčaos‚Äč ‚Äčdesejos‚Äč ‚Äčdas‚Äč ‚Äčconsumidoras‚Äč ‚Äčamericanas.

Fonte: Revista Catarina | Foto: reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *